Donos do PlayStation 4 relatam problemas de durabilidade do Dual Shock

medium_217198_3867881133

Como todos que já puderam testemunhar o lançamento de uma nova geração de consoles sabem, por mais que as fabricantes testem seus aparelhos antes de lança-los, é somente quando eles chegam ao público que é possível determinar seu verdadeiro grau de durabilidade. E, ao menos se depender de relatos de alguns usuários do fórum NeoGAF, o controle Dual Shock 4 peca nesse quesito.

Fotografias publicadas no site mostram que ao menos uma leva do acessório veio com problemas na borracha que reveste seus direcionais analógicos, que se despedaça após pouco tempo de uso. Embora problemas desse tipo não sejam uma raridade na geração atual, a velocidade do desgaste do controle do PlayStation 4 surpreende, visto que o console só chegou às lojas na última sexta-feira (15).

Somado ao já conhecido problema da “Red Line of Death”, essa situação serve como prova do risco que é investir em um console durante sua época de lançamento. Resta esperar por um pronunciamento da Sony ou pelo lançamento da segunda leva de consoles para descobrir se o problema com os controles é algo restrito ao momento ou se é uma situação com a qual os donos do video game simplesmente vão ter que se acostumar.

Anúncios

PS4K: Sony afirma que vai sair perdendo mesmo com o alto preço do console

ps4_graph_02-550x366

Representante da Sony declarou que mesmo com o preço alto do PlayStation 4 a empresa abriu mão dos lucros e ainda vai sair perdendo no Brasil. Segundo ele, apenas a fabricação local pode deixar o console mais barato.

Em um post no blog oficial do PlayStation, o gerente da divisão PlayStation daAmérica Latina, Mark Stanley, detalhou as razões por trás dos R$ 4 mil que a empresa vai cobrar por seu console next-gen no nosso país.

“Queremos enfatizar que não é de interesse da Sony Computer Entertainment America vender o PS4 com um alto preço de varejo, uma vez que não é bom para os nossos consumidores, e não é bom para a marca PlayStation. Dando continuidade à nossa história de manter um diálogo aberto e honesto com a nação PlayStation no Brasil, queremos ser totalmente transparentes em relação aos itens que compõem esse preço e deixar a comunidade plenamente informada para tirar suas próprias conclusões.”

“Há muita confusão e informações imprecisas na cobertura on-line sobre as políticas de impostos de importação do Brasil e sobre o preço de varejo do PlayStation 4, por isso gostaríamos de esclarecer as coisas: dos R$ 3.999, 63% desse valor é destinado para compensar as taxas e impostos que são aplicados ao produto durante o processo de importação. Esses impostos são muitos – precisamos considerar o IPI sobre o preço de distribuidor e PIS/COFINS sobre o preço de varejo, além de outros impostos como ICMS e ICMS-ST. Veja em detalhes a quebra do modelo de preço no Valor Econômico . Outros 15,5% vão para a margem do varejista, e 21,5% para transferência de preço do PS4 (equivalente a USD $ 390).”

Eis o gráfico divulgado pela empresa, explicando o valor do PlayStation 4:

ps4k_graph1-550x309

 

Culpando os impostos e reforçando o fato de que a empresa busca seguir rigorosamente as leis brasileiras, Stanley informou ainda em entrevista ao site UOL Jogos que a única forma de baixar o preço do console seria através da fabricação local, o que, segundo ele, reduziria o valor pela metade. Iniciar a produção do console por aqui, contudo, exigiria da empresa investimentos na ordem de bilhões de dólares.

A nota terminou com a promessa de que a empresa vai buscar todas as formas possíveis, junto aos órgãos brasileiros responsáveis, de reduzir o preço.

“Estamos comprometidos com os jogadores brasileiros e orgulhosos do forte relacionamento que construímos com vocês ao longo dos anos. Estamos fazendo todo o possível para reduzir o preço do PS4 para você. Obrigado pelos milhares de comentários apaixonados. Estamos juntos nessa!”

E aí, será que a Sony está jogando aberto? O que você achou da explicação da empresa? Deixe sua opinião nos comentários!

#PS4K: as trolladas e polêmicas que o preço do PS4 brasileiro causou pela internet

ps4k-550x273

 

Não há como escapar: o absurdo preço do Playstation 4 no Brasil foi o assunto da semana. O anúncio da Sony iniciou uma onda de criatividade e bom humor em meio ao caos e à revolta. Na sequência, você confere algumas das pérolas que surgiram por conta do #PS4K!

A treta foi tão grande que a #PS4K chegou ao topo dos trend topics brasileiros noTwitter. Entre revoltas e ironias, algumas pérolas surgiram por lá. Você pode acompanhar toda a treta do PS4K no Twitter por este link.

Mas nem só de Twitter vive a internet! Bombaram nas redes sociais imagens tirando sarro do preço do Playstation 4, algumas fazendo alusão ao governo, outras a fatos policiais recentes.

Separamos aqui algumas das mais inofensivas e criativas “homenagens” que os internautas fizeram ao PS4:

thumb-32800121029-ps42-resized1-550x337Paródia da campanha “O Brasil vive em estado Play”, da Sony.

thumb-33952121043-ps5-resized1-550x337 4K não tá fácil nem para o Eike Batista.

 thumb_200758_30157986631Financiamento de looongo prazo pela Caixa.

 thumb_he-man           He-Man esbanjando sabedoria, como sempre.

thumb_nerdin-550x322   O nerdin do Dr. Pepper ficou sem PS4, coitado.

E não foram só os gamers que aproveitaram o preço do PS4 para ganhar uns “likes“. Empresas também entraram na onda, mostrando de maneiras muito criativas como se aproveitar do viral.

É o caso do Ponto Frio, que listou tudo que dá para comprar com 4 mil reais em sua página do Facebook:

thum_ponto-frio-550x156

 

E do Banco do Brasil, que aproveitou o preço do PS4 para divulgar seu serviço de crediário:

thumb_BB-550x550

 

Também foi criado um Tumblr muito divertido, que compara o preço do PS4 com o preço de diversos outros “sonhos de consumo”. Confira neste link.

Claro que também houve a repercussão séria do caso. Grandes sites gringos como IGNPolygon e Gamespot falaram sobre o PS4 de 4 mil reais brasileiro. Vale a pena dar uma conferida.

Por fim, vale ressaltar que já está rolando até uma petição online pelo PS4 a um preço justo. A gente não sabe se esse tipo de coisa resolve alguma coisa, mas não custa nada assinar, não é? 😉

No mais, fica a dúvida: o que será que vai rolar na BGS 2013?

Playstation 4 vai custar R$ 3.999 no Brasil!

sony_playstation_41-550x308

Se você esperava o Playstation 4 no Brasil por um preço equivalente aos 399 dólares gringos, pode ir tirando o cavalinho da chuva: a Sony anunciou que seu novo console custará salgados 3.999 reais em nosso país!

 O valor pegou os fãs desprevenidos, afinal, desde que anunciou o Playstation 4, aSony estava mantendo uma postura amigável, prometendo manter o preço do console próximo dos U$ 399 americanos.

Porém, aqui no Brasil parece que ela preferiu simplesmente acrescentar mais um 9 ao final do preço, convertendo U$ 399 em absurdos R$ 3.999.

Ironicamente, o console “mais amigável” custa quase 2 vezes o preço de seu concorrente, o Xbox One, que chegará ao Brasil custando R$ 2.199. Também é irônico o fato de que, nos EUA, o Xbox One é 100 dólares mais caro que oPlaystation 4. Por aqui, a conta se inverteu (e muito).

O anúncio oficial pode ser lido no blog oficial do Playstation, que entrega também que os jogos do PS4 terão preço sugerido de R$ 179. A Sony não deu nenhuma justificativa para os (altos) valores praticados em nosso país.

No momento, o mesmo público que ovacionou a Sony por suas políticas menos restritivas, está em choque com a gritante diferença de preço. Afinal, são 1.800 reaisde diferença! Quase dá para comprar dois Xbox One pelo preço de um Playstation 4.

E aí, o que achou do preço do Playstation 4? Vai partir para a next-gen já de início, ou vai esperar os preços baixarem um pouco?

Playstation 4: Sony divulga preços do console para alguns países da América Latina

Argentina_and_Chile1-550x280

A Sony anda enrolando para divulgar o preço oficial do Playstation 4 por aqui, mas já revelou quanto vai custar seu novo console em outros países da América Latina. Confira na sequência quanto o PS4 vai custar para os nossos vizinhos argentinos echilenos.

De acordo com o UberGizmo, o Playstation 4 argentino chegará custando salgados 6.499 pesos argentinos. Convertendo para a nossa moeda, este valor fica em mais de 2.600 reais! Até a conversão para dólares fica salgada: mais de 1100 dólares, quase 3 vezes mais que o preço do console nos EUA.

A explicação para este valor tão alto vem da economia dos hermanos: no momento, a Argentina está passando por uma crise financeira e sua moeda está bem desvalorizada.

A matéria do UberGizmo cutuca fundo a ferida, levantando a renda per capta média do povo argentino (cerca de 10 mil dólares, em conversão direta) e colocando na balança o custo do Playstation 4: neste cálculo, um argentino “comum” precisaria trabalhar mais de meio ano só para comprar um Playstation 4!

Será que a crise justifica um preço tão longe da “conversão direta” imaginada pelaSony?

Porém, nem todos os sul-americanos estão tão na pior: no Chile, o Playstation 4chegará custando “apenas” 330 mil pesos chilenos, o que dá cerca de 1.500 reais. Ainda é caro, mas já é um valor mais amigável.

No meio destes preços discrepantes, quanto será que o Playstation 4 custará noBrasil? Difícil dizer, pois o Brasil conta com políticas alfandegárias e tributárias mais parecidas com as praticadas pela Argentina.

Por outro lado, a Microsoft já estabeleceu o preço do Xbox One por aqui – 2.199 reais -, então a Sony pode sair na frente se anunciar um valor consideravelmente abaixo disso. Há quem diga que a empresa vai se pronunciar oficialmente durante aBrasil Game Show, que rola no final de outubro.

Ainda é cedo para especularmos, mas o panorama da América Latina não é exatamente animador. Será que a conversão direta dos 399 dólares é uma utopia para nós brasileiros?